JUDICIAL E EXTRAJUDICIAL / ONLINE E PRESENCIAL

área exclusiva
Esqueceu a senha?

Não tem cadastro? cadastre-se agora

2ª VARA CÍVEL REGIONAL DA LEOPOLDINA - Portella Leilões - Judiciais e Extrajudiciais

Sexta 16 de Novembro de 2018
Total de lotes: 1
Cód.: 0605/2018
1º Leilão Presencial / Online
2ª VARA CÍVEL REGIONAL DA LEOPOLDINA
Autos nº:
0001536-52.2007.8.19.0210
Local do pregão:
Avenida Nilo Peçanha, nº 12 – Grupo 810 – Castelo - RIO DE JANEIRO-RJ
Leilão:
APARTAMENTO EM OLARIA

LOTE: 13:00

  • Avaliação: R$ 615.912,49
    Incremento: R$ 1.000,00
    1º Leilão: 22 de Novembro de 2018 às 13h00
    Lance inicial em 1º Leilão: R$ 615.912,49
    2º Leilão: 28 de Novembro de 2018 às 13h00
    Lance inicial em 2º Leilão: R$ 307.956,25
    Informações de abertura
    Incremento: R$ 1.000,00
    Total de Lances: 0
    Arrematantes homologados: 176

    Localização do bem

    Descrição do lote

    Rua Leocadia Rego, nº 22 - Apto 204
    Ocupação: exclusivamente residencial. Tipo de construção: moderna, em estrutura de concreto armado e alvenaria de tijolos, fachada em argamassa e esquadria de alumínio, com varandas, grades a frente, interfone, circuito interno de TV, dois níveis de garagem, portaria 24 horas, play, salão de festas, piscina. Constituição: oito pavimentos sendo um total de 29 unidades. Hall Social: porta em vidro temperado com piso em cerâmica. Acessos: corredores de circulação em ardósia, escadas de acesso em cimento com porta corta fogo. Idade: 25 anos (1988).
    APARTAMENTO: Posição no prédio: frente conforme IPTU. Estado de conservação do prédio muito bom estado. Rua de fácil acesso com boa localização no bairro. Área edificada: 155m²

    Formas de pagamento

    A arrematação deverá ser à vista ou a prazo de até 15 dias mediante caução de 30% da arrematação, acrescida de 5% de comissão ao Leiloeiro e custas de Cartório de 1% até o limite máximo permitido.

    Histórico de lances recebidos

                       
    valorusuário/placalocalidadedata/horário
    Nenhum registro de lance.

OBS: Aquele que tentar fraudar a arrematação, além da reparação do dano na esfera cível - Arts. 186 e 927 do Código Civil. Ficará sujeito as penalidades do artigo 358 do Código Penal.